Artigos sobre gestão de clínicas veterinárias e petshops

Gestão

3 Sinais de que a qualidade da sua clínica ou pet shop está caindo

Tem empresa que não pode ver uma crise econômica que já coloca nela toda a culpa pelos resultados abaixo da média. É verdade que, quando a recessão chega, poucos são os negócios que conseguem, de fato, surfar na onda como se nada estivesse acontecendo.

Mas já parou pra pensar que talvez esteja dentro da própria empresa a razão pela qual o sucesso está ficando cada vez mais longe – e não nas mãos de quem decide a taxa inflacionária dentro do Banco Central?

Pela nossa experiência no mercado de clínicas veterinárias e pet shops, sabemos que quando as vendas caem os empreendedores logo pensam em dois motivos. O primeiro é a crise econômica, quando ela de fato existe. O segundo é a falta de qualidade no atendimento ou nos produtos.

Por mais que a diminuição das vendas soe como um sinal de que a qualidade está realmente caindo, não é essa a principal razão pela qual esse evento ocorre. Na verdade, os sinais de que o negócio já não anda tão produtivo quanto antigamente nem sempre estão relacionados às vendas.

Isso porque existem outros aspectos dentro de uma empresa que “sofrem” antes da queda das vendas quando a qualidade está comprometida. Contudo, nem sempre eles são fáceis de enxergar – e muito porque os donos do negócio não estão com o olhar calibrado para eles.

Receba dicas GRATUITAS sobre gestão para pet shops e clínicas veterinárias!

Os 3 principais sinais de alerta na qualidade da clínica ou pet shop

Uma vez que esteja claro que a queda nas vendas não é, necessariamente, sinal de baixa na qualidade – e que a crise econômica pode ser um fator para a sua ocorrência, mas pode não ser o mais determinante, é hora de olhar para algumas ocorrências específicas da sua clínica veterinária ou pet shop para poder comprovar se a qualidade continua em alta ou se você precisa melhorar seus requisitos de atendimento.

Separamos nesse texto os três principais motivos pelos quais você deve acender o sinal de alerta e começar a trabalhar, a partir de agora, na correção desses problemas. Afinal, com eles dentro da sua cultura empresarial, não há prosperidade econômica nacional que te traga bons resultados a longo prazo.

#1 Os clientes antigos não voltam

Uma coisa é caprichar no marketing e encontrar novos clientes, enquanto outra é deixar os antigos tão satisfeitos a ponto de voltarem sempre.

No caso das clínicas veterinárias e pet shops, a recorrência de clientes antigos – ou sua fidelização – deve ser levada em consideração pois o tipo de atendimento prestado é capaz de gerar laços entre consumidores e empresa.

Assim como você não troca de salão de beleza com facilidade, porque já confia no cabeleireiro ou barbeiro que te atende, um veterinário que já trata de um animalzinho por alguns anos dificilmente será substituído só por falta de horário na agenda da próxima terça-feira.

Apenas um trabalho primoroso, de qualidade e que inspire confiança nos donos dos pets é capaz de fazer com que eles voltem, seja na compra de serviços ou produtos. E todo mês o pet vai precisar de alguma coisa, seja uma ração ou um banho – e, se isso for exatamente o que você vende, quando os clientes começam a não voltar é porque existe alguma coisa muito errada.

#2 Existem reclamações públicas sobre a empresa

As redes sociais são ótimas para divulgar produtos, serviços, promoções ou pet-orgulhinho da clínica, mas não podemos dar as costas ao fato de que elas também funcionam como uma extensão do boca a boca.

Indicações são feitas e retiradas diariamente das redes sociais mediante a qualidade com que clientes são atendidos ou produtos são vendidos a eles. Se você tem nota baixa na sua página de Facebook ou alguma reclamação em sites como Reclame Aqui é porque seus clientes estão insatisfeitos com o serviço que você presta.

Se você bate o pé e jura que sua clínica ou pet shop é a melhor de toda a região, das duas uma: ou o seu cliente está completamente louco ao falar mal de você (o que é pouco provável) ou a empresa realmente anda pecando em algum quesito.

Aí é o caso de pedir uma nova chance ao consumidor e tentar mudar o sentimento dele em relação a seu negócio.

#3 A empresa lida com altos índices de troca ou retrabalho

Um novo produto chegou e saiu rapidamente, mas grande parte dos consumidores está pedindo a troca? O feedback nos banhos é tão negativo que você sempre precisa dar um desconto na próxima tosa? O cadastro não foi concluído corretamente e, por isso, você precisa perguntar tudo de novo ao cliente?

Todos esses problemas mostram que existem falhas estruturais na qualidade que a empresa entrega, pois o ideal é que produtos e serviços sejam vendidos e deixem o cliente extremamente satisfeito.

Qualquer coisa abaixo disso pode ser considerado preocupante, inclusive porque vender produtos e serviços é o que vai manter a sua empresa de pé.

Se os números de troca ou retrabalho estão aumentando, que tal lançar à empresa um olhar crítico sobre o que ela oferece?


Vem pra SimplesVet

Se precisar de ajuda para organizar todos esses pensamentos e melhorar a qualidade da sua clínica veterinária ou pet shop, fale com a SimplesVet!

Esperimente grátis

Você pode gostar desses aqui:

Simplesvet é um sistema veterinário online para clínicas e petshops que tem a missão de simplificar a gestão pet.