Blog

Gestão

Problemas comuns de estoque em pet shops – e como resolvê-los

Em um país com uma população tão grande de animais de estimação, é normal que clínicas veterinárias e pet shops apareçam aos montes. Mas, também, não é raro vê-las desaparecendo, principalmente pela má gestão dos negócios.

No caso específico dos pet shops, um dos grandes gargalos administrativos é a manutenção do estoque. O que poderia ser uma rotina normal para esse tipo de loja, com a compra e a venda de produtos das mais variadas necessidades, acaba virando um grande pesadelo para quem não sabe como lidar com as nuances de seu mercado.

Por isso, o controle de estoque é primordial para que um pet shop se estabeleça no mercado de maneira saudável e duradoura. Uma boa noção de a quantas anda o seu armazenamento de produtos pode ajudar a empresa a evitar o desperdício, seja por expiração da data de validade ou timing de venda, e também a se desviar de situações chatas, como não ter um produto que teria ótima saída.

Quais são os principais problemas de estoque em pet shops?

Assim como em qualquer outro mercado, os pet shops enfrentam problemas de estoque quando a administração não organiza corretamente a entrada e saída de materiais. O principal problema, portanto, é a falta de um inventário detalhado do que a empresa tem e não tem, e em quais quantidades, para que a saída seja favorecida e o lucro, alcançado.

Um produto sobrando em estoque, por exemplo, pode ser o alvo da próxima promoção do pet shop – assim, mesmo que a margem de ganhos da empresa seja diminuída, não haveria o risco de perder o material para sempre.

O levantamento desse inventário deve ser feito periodicamente – e esse período vai depender, basicamente, de qual é a movimentação da sua loja. Alguns pet shops precisarão inventariar seu estoque mensalmente, outros quinzenalmente, outros semanalmente e, em alguns casos, até diariamente.

Como o inventário é um dos principais gargalos encontrados nos problemas de estoque em negócios desse ramo de atuação, se você conseguir organizar essa demanda cortará pela metade grande parte de suas dificuldades.

Veja abaixo outros problemas comuns de estoque em pet shops e como resolvê-los de maneira eficiente e definitiva.

#1 Falta de entendimento sobre o que precisa sair e o que precisa entrar

Nem sempre o dono do negócio sabe o que tem maior ou menor procura no pet shop, principalmente se não está diariamente na empresa ou se tem outra função (como ser o veterinário da clínica atrelada ao pet shop, por exemplo).

E, sem um controle rigoroso do que entra e sai do estoque, é quase impossível fazer um inventário que possa ser considerado bom. O problema fica ainda maior quando compras, vendas e pedidos são anotados à mão, o que facilita os erros e aumenta o problema.

Solução: usar um software adequado para essa finalidade – e, de preferência, voltado exclusivamente para as demandas do mercado veterinário e de pet shops, como o sistema da SimplesVet.

Esse tipo de tecnologia torna possível a organização da entrada e saída de materiais e auxilia a administração a ordenar pedidos e checar os números de venda.

Receba dicas GRATUITAS sobre gestão para pet shops e clínicas veterinárias!

#2 Se perder nos pedidos ao fornecedor

Quando os controles são feitos à mão, a pessoa responsável por fazer novos pedidos pode se confundir e acabar solicitando mais ou menos produtos do que realmente deveria.

Em alguns casos – como o de brinquedinhos diversos –, pedir coisas a mais não é problema, principalmente se a saída é certa. Contudo, solicitar de maneira errada produtos com data de validade, como medicamentos e rações, é um risco enorme para a saúde das finanças da empresa. Se esses materiais não saírem dentro do prazo, o prejuízo pode ser grande.

Assim como é grande o prejuízo de ter um cliente entrando na loja para solicitar um produto que está em falta, por erro de estoque, e comprar o que deseja na concorrência.

Solução: mais uma vez, o software de gestão é o melhor amigo do administrador nesse controle do estoque. Como ele otimiza o levantamento do que o pet shop tem e o que não tem, fica mais fácil perceber com relativa antecedência o que deve ser pedido e o tipo de material que pode sair da lista de compras.

#3 Misturar o que é de uso com o que é de vendas

Um pet shop que tem banho e tosa e vende produtos para banho em casa não pode, simplesmente, “pegar” um xampu do estoque para atender um animalzinho que veio buscando o serviço na loja e não dar baixa disso dentro de algum sistema organizado.

Nesse tipo de ocorrência, é muito comum perder o controle do estoque na ilusão de que a falta do produto para a prestação de serviço já está sanada, sendo que o problema pode ser duplo: além de não ter como saber o que é consumido para prestação de serviço com clareza, o estoque de vendas ainda fica defasado.

Solução: é preciso organizar o que é da loja para uso interno e o que é do pet shop para vendas ao cliente final – e respeitar rigorosamente essa linha. Se a loja precisar de algum produto de emergência, deve haver controle interno para informar o que foi pego do estoque.

Não precisa nem falar que um software de gestão é uma boa solução para esse tipo de gargalo também, certo?

Aliás, ter um bom software de gestão vai mudar a forma com que o pet shop organiza seu estoque nesses e em outros problemas comuns, como falta de integração do que realmente há para ser vendido e o discurso feito pela equipe de vendas, além das falhas de comunicação entre a equipe de vendas e a de compras.

Em todo caso, se você tiver problemas com o estoque do seu pet shop, fale com a SimplesVet. Nós temos as melhores soluções para seus problemas de gestão – e tudo isso em um único sistema, fácil e intuitivo, que pode ser manuseado por qualquer colaborador da sua empresa. Inclusive você.


Quer solução simples para a bagunça do estoque e muito mais?

Faça como mais de 1.900 clínicas e petshops em todo o Brasil.

Esperimente grátis

Você pode gostar desses aqui:

Simplesvet é um sistema veterinário online para clínicas e petshops que tem a missão de simplificar a gestão pet.